Participe!

terça-feira, 27 de maio de 2014

DIA DOS NAMORADOS

O dia 12 de junho é dedicado aos namorados. Nele, é tradição a realização da troca de presentes, doces e cartões com mensagens de amor entre namorados.

A origem desta data comemorativa não oficial encontra-se no século III da era cristã. Naquela época, o imperador romano Cláudio II proibiu a realização de casamentos durante tempos de guerra, porque acreditava que homens solteiros e sem responsabilidades familiares tinham melhor desempenho nos combates. No entanto, Dom Valentim, bispo católico, desrespeitou a ordem e continuou com as celebrações de matrimônio clandestinamente. Uma vez descoberta a sua desobediência, foi preso e recebeu a morte como sentença.

Enquanto esteve preso, Dom Valentim recebeu vários bilhetes e cartões de jovens apaixonados, valorizando o amor, a paixão e o casamento. Afirma-se também que enquanto aguardava sua sentença de morte, Dom Valentim se apaixonou pela filha cega de um carcereiro e, milagrosamente, devolveu-lhe a visão. Antes de sua execução, Valentim escreveu uma mensagem de adeus para ela, na qual assinava como “Seu Namorado” ou “De seu Valentim”.

Dom Valentim foi decapitado no dia 14 de fevereiro de 270. No ano de 496 o papa Gelásio I elegeu Dom Valentim, canonizado santo, como símbolo dos apaixonadas. Assim, esta data passou a ser destinada aos casais de namorados e ao amor.

Na Europa medieval, a comemoração passou a ser realizada no dia 14 de junho, pois este dia correspondia ao primeiro dia de acasalamento dos pássaros. Por ocasião desta data os namorados da Idade Média deixavam mensagens de amor na soleira da porta da pessoa amada.

Noutra versão, associa-se esta comemoração à “Lupercalia”, antiga festa romana que se realizava todo dia 15 de fevereiro. Nela, homenageava-se Juno, a deusa romana das mulheres e do casamento, e Pã, o deus da natureza.

No Brasil, o dia dos namorados está associado ao português Santo Antônio (frei Fernando de Bulhões), santo popular que pregava sobre a importância do amor e do casamento e que, após ser canonizado, ganho a fama de "santo casamenteiro".



O dia dos namorados passou a ser comemorado no Brasil no dia 12 de junho de 1949, véspera do dia de Santo Antônio, quando o publicitário João Dória trouxe a ideia do exterior como uma maneira de homenagear os casais apaixonados. O mesmo apresentou a proposta aos comerciantes paulistas, colaborando com o aquecimento das vendas na época. Logo em seguida, o dia dos namorados passou a ser comemorado em todo o país.

Saiba mais:
Em Salvador - BA, a devoção a Santo Antônio é grande. Não raro, em vários bairros da capital soteropolitana encontramos devotos promovendo a trezena do santo. No ano passado adaptei uma dessas trezenas. Caso queira conhecer o material, clique aqui.

Dica para surpreender no dia dos namorados.

0 comentários:

AS PLANTAS CURAM!

AS PLANTAS CURAM!
Clique na imagem e saiba como.

Adquira o meu livro sobre o Liceu do Ceará

Quer apoiar nossas publicações? Doe o que puder!